Devorar a Madeira é provar o vinho Madeira, o bolo de mel, o peixe-espada preto, as lapas, o “bolo do caco”, a doce banana, o bife de atum, o milho frito, a espetada de carne em pau de loureiro, cuscuz caseiro, sopa de trigo… É preciso dizer mais alguma coisa? São deliciosas iguarias de fazer perder a cabeça. A gastronomia do arquipélago da Madeira retrata a alma de um povo simples, generoso e hospitaleiro.

 

Quando cá vier, não poderá deixar de provar uma destas especialidades.