São poucos os locais no Mundo, que celebram o Carnaval como a Madeira.

Este é um evento mágico, inspirado nas tradições regionais dos “mascarados”, nos bailes temáticos e até no samba do Rio de Janeiro.

 

 

Sabiam que as tradições do Carnaval madeirense podem ter influenciado o Carnaval Brasileiro?

No século XVI, os emigrantes madeirenses implantaram no Brasil, a indústria do açúcar, também conhecido por “ouro branco”. Levaram também costumes e tradições, que poderão ter contribuído para as festividades do Carnaval, neste país.

 

 

Na Madeira sempre se comemorou o Carnaval com grande folia. Anteriormente à década de 70, a Rua da Carreira, no Funchal, era palco de um cortejo alusivo ao Carnaval, que se organizava de forma quase espontânea. As pessoas criavam os seus próprios disfarces, pinturas, máscaras, travessuras e assim saíam à rua, num espírito de festa e de brincadeira. Celebravam-se também bailes temáticos, de acordo com os acontecimentos sociais daquela época.

Com o crescimento do Turismo, após a década de 70, os bailes temáticos passaram a ser organizados nos hotéis mais icónicos do Funchal, como o Savoy, o Reid’s Palace, entre outros. Os cortejos de Carnaval estenderam-se depois às principais ruas do Funchal.

 

 

Atualmente, para além de música, folia, máscaras, serpentinas e confetes, existem muitos são os eventos onde se poderá divertir na Madeira.

Os hotéis continuam a festejar o espírito carnavalesco, com bailes e jantares alusivos à época. As discotecas, clubes e bares decoram-se a rigor e oferecem diversão garantida. As noites temáticas fazem parte da tradição do Carnaval. A noite dos Travestis, em que os homens se disfarçam de mulheres e vice-versa, a noite Hippie, alusiva aos anos 60, e a última noite do carnaval, o “Enterro do osso”, trazem brilho e alegria a esta época festiva.

 

 

Os Cortejos de Carnaval são o ponto alto das festividades. Milhares de pessoas divertem-se, ao som do ritmo das músicas das trupes carnavalescas, nas principais ruas da capital. Há vários cortejos a não perder: a Festa dos Compadres, o Carnaval Infantil, o Grande Cortejo Alegórico e o Cortejo Trapalhão.

 

1. A Festa dos Compadres

A Festa dos Compadres de Santana marca o início desta época. Realiza-se no fim de semana anterior ao Carnaval, na costa Nordeste da Ilha, em Santana.
Consiste em um julgamento “de brincadeira”, ao ar livre, onde homens e mulheres, disfarçados, julgam efusivamente os compadres, e debatem temas de tensão social e política. Há também um cortejo, com música, animação, e comes e bebes. Uma das iguarias típicas desta época são os doces, chamados de “sonhos” e “malassadas”, regados com mel de cana-de-açúcar.

 

2. O Carnaval Infantil

Na 6ª feira de Carnaval, as escolas da Região organizam um cortejo, que se concentra na Avenida Arriaga do Funchal. Centenas de crianças e professores desfilam o seu disfarce preferido, num Cortejo cheio de ternura e criatividade.

 

3. O Grande Cortejo Alegórico

O Grande Cortejo Alegórico acontece na noite de sábado de Carnaval. Esta é a grande atração do Carnaval Madeirense. O brilho, a cor, a dança, e alegria dos milhares de pessoas que participam e assistem a este desfile, é contagiante. Cerca de uma dezena de carros alegóricos decorados, acompanham cada trupe, com música apropriada ao tema escolhido. Cada grupo tem um nome e uma bandeira própria. Os fatos, as coreografias e os temas do Cortejo, variam todos os anos. Este Cortejo começa a ser preparado com vários meses de antecedência.

 

4. O Cortejo Trapalhão

Já o Cortejo Trapalhão é, tal como o nome indica, baseado no improviso e bom humor. Decorre na terça-feira de Carnaval. É, muitas vezes, usado como forma de sátira a certos acontecimentos sociais. Qualquer pessoa pode participar neste desfile, basta ter um disfarce e boa disposição. São atribuídos prémios individuais e coletivos aos melhores disfarces inscritos.

 

Na Ilha do Porto Santo, também se festeja o Carnaval com vários cortejos. Poderão assistir ao cortejo trapalhão, ao cortejo das crianças e divertir-se com concertos de música no Largo das Palmeiras.

 

Juntem-se a nós, disfarcem-se e divirtam-se nas Festas de Carnaval…

Descubram a Madeira!